quarta-feira, 15 de junho de 2011

PARA A COLEÇÃO DE ABSURDOS...

Em Santos, São Paulo, em plena Praça Independência, espero pelo farol de pedestres. Um homem com roupas limpas, tênis (e que não parece ser um pedinte) pára ao meu lado:
Moça, me dá um real e trinta centavos?
- Não tenho, respondi.
Ele mostrou o pacote na mão:
- É pra acompanhar o pastel, quero comprar um caldo de cana.
- Infelizmente não tenho.
- Não precisa me dar dinheiro... "Vai lá" e compra um caldo de cana pra mim...
- Não tenho.!
-Ah, tá!

Qual seria a palavra certa, o adjetivo certo para ele? Abusado ou folgado?

2 comentários:

Dea disse...

Sem noção huahuahua

Adriana disse...

nossa, demais ne maezinha...eles ainda acham q vc tem orbigacao de pagar....
Uma das vantagens de morar aqui 'e que nao existe isso...